domingo, 4 de julho de 2010

no carrossel

hoje tá tudo mais bonito o céu tá azul e as árvores com folhinhas verdes muito bonitinhas as fotos no tumblr estão mais legais as mulheres na rua mais sensuais a poeira do meu quarto tá poética e meu grito não enrouquece que é dia de festa porra alegria amor alegria fe-li-ci-da-de é tudo muito bom eu amo a minha vida e tudo que me cerca até a meia noite porque amanhã tudo vai ser triste sombrio e eu nem quero ver na merda que vai dar ser quem eu sou é uma merda mesmo tudo sempre volta ao normal o eterno retorno.

2 comentários:

Bárbara Reis disse...

eu gostei. denso e intenso.

Usui de Itamaracá disse...

Carpe Diem! rsrsr

As descrições no começo dão até um caráter cômico à continuação triste do texto, adorei! rsrsrs