domingo, 15 de agosto de 2010

agradecimento

quando você
estiver na merda
lembre-se que todo bem
que você faz
será devolvido com chutes
e pontapés bem dados
na boca do seu estômago

e então
você vai perceber que o poço
não tem fundo
e que a queda
é lenta.

5 comentários:

Bárbara Reis disse...

Meus comentários são incrivelmente repetitivos.


Adorei,black, Muito intenso.

Fábio Pedro Racoski disse...

Cara, muito bom. A queda é lenta demais, mesmo. E infinita enquanto dura.

Mari. disse...

otimista como um schopenhauer...
adoro isso, black. continue nessa caminhada pelo wild side.
:*

Táxi Pluvioso disse...

Sem dúvida que receberemos o troco de tudo que fizemos, e a dobrar.

carine disse...

Muito "Escarra nesta boca que te beija".
Sensacional.