quinta-feira, 17 de maio de 2007

O sistema de ensino brasileiro

Já havia formulado essa hipótese há um certo tempo,mas faltava uma confirmação de força maior.Confesso que já tinha algumas provas do fato mas agora falo com certeza.O sistema brasileiro de ensino emburrece seus alunos.Sim,emburrece,sim.Muitos vêem a escola de maneira romântica achando que ela pode formar grandes cidadãos e ensinar muito aos seus alunos(coisa que nunca acontece mas muita gente ainda acredita)mas eu digo,com toda a minha filosofia fria,caulculista e...(me faltou a palavra)que a escola pouco faz pelo aluno,na verdade,retira a inteligência que ele tem.A escola brasileira de classe média pra baixo é basicamente uma instituição que empurra informação guela-abaixo e ainda diz que isso é crucial pra sua vida e simplesmente se você não aceitar pensar dessa forma e não funcionar de acordo com o sistema,você simplesmente não passa de ano e é rotulado como perdedor pela sociedade.A escola brasileira particular,municipal e estadual não se esforça o mínimo para promover o senso crítico e a opinião própria no aluno e então criam-se vários mini-babacas que têm muita informação,mas não sabe como,nem porque usá-las e quando chegam próximo ao término do ensino médio(sem personalidade própria e definida)são obrigados a definir o resto da sua vida em menos de um ano e acaba escolhendo uma coisa que gosta ou que dê dinheiro e pronto,eis a vida do jovem brasileiro de classe média.Depois de ingressarem mini-babacas na faculdade,saem de lá babacões preparados pro mercado de trabalho,para ganhar dinheiro e tentar viver modestamente.Quando conseguem,chegam ao tédio em algum momento,quando não,vivem se lamentando pelas oportunidades que deixou passar e etc.
Cuidado Brasil,país emergente pode não só virar potência como virar subdesenvolvido.
Take Care,you all.

music: Amputechture - the Mars Volta/Acústico MTV - Lobão/The Doors - The Doors

2 comentários:

Mauro disse...

Enquanto ao sistema de ensino brasileiro, eu tenho lá as minhas dúvidas. Mas concordo com o que você sugere ao falar da falta de preparação que os jovens se encontram nos tempos atuais, é lógico que a maioria (estatisticamente: 85%) dos jovens que se encontram nessa situação, são estudantes de escolas públicas – estaduais. Como você bem falou!

Esses estudantes possuem na maioria das vezes uma péssima qualidade de ensino, e não tem gabarito para poder competir com os mais privilegiados! Acabam por fim perdendo importantes oportunidades. Você citou o fato deles se formarem “babacas” Eu não creio muito nesta teoria, pois pessoas de classe alta e com possibilidades de se promover um bom estudo ao longo da juventude podem se formar “Super babacas” ao contrário de um jovem, Humilde?! (por que não?) De classe baixa! Passagem por colégios estaduais ...... que se forma um cidadão inteligente, que sabe se “virar” na vida. Claro, para isso é necessário estudar e muito.

Mas resumindo a idéia principal:
Os menos privilegiados sempre estarão e ficarão para trás se nada for feito. Se não for feito nada por parte da política (Um Salve lula!) será feita por nós!

philosophystrikesagain disse...

nada vai ser feito.
os governantes não se importam com o povo.
o que é necessário é que as pessoas se conscientizem de que o governo brasileiro não vai ajudar e à partir disso agirem por si próprias.
desenvolvendo suas mentes,ideais e perspectivas e não esperando do governo.
lembre-se que hoje a maior potência mundial teve sua independência conquistada pelo povo
sim ao desenvolvimento da mente humana!não ao ideal brasileiro de achar que essa democracia vai funcionar instantaneamente através dos bons ideais políticos