sábado, 19 de julho de 2008

Pinte um quadro da sua vida.Imagine como ele seria.Em preto e branco?Cheio de cores?Eu acredito que o da maioria das pessoas seria branco e ponto.O mundo transborda em futilidade e está abarrotado de gente vazia.Não há objetivos,não há planos.Só querem ser felizes e tudo mais.Felicidade?O que é a felicidade?A maioria das pessoas declara estar buscando por algo mais abstrato do que o seu próprio discernimento(que geralmente é quase nulo).Mas também seria inválido olhar pra fora e não tentar se criticar também,não haveria evoluções,então,se eu tivesse que pintar um quadro sobre minha vida,seria sombrio.Teria muitos espinhos e pedaços da minha carne agarrados ali.E eu falo nisso,entendendo que quando se quer atingir um ponto mais elevado,o sacrifício é necessário.Hoje brigo com espinhos,para amanhã colher frutos belíssimos.Seria um quadro distinto,pouco inteligível ou acessível na sua essência mas teria uma camada de obviedade antes disso,para representar a camada artificial que preciso mostrar às outras pessoas.Eu espero que o quadro de qualquer um que esteja lendo isso,seja belíssimo e se ainda não houver beleza nesse quadro,que a pessoa seja capaz de dar essa beleza.Trocar os pincéis e renovar os tons de sua própria vida.


Lembra coisas mais antigas minhas,de quando eu lia várias coisas do Nietszche e tudo mais.Um novo velho texto.

4 comentários:

Julia Fernandes disse...

yeah!
muito foda esse texto!

;*

Báah - Thoughtless disse...

então , eu me sinto fútil quando leio determinados textos porque simplesmente não consigo atingir a idéia deles com a mesma facilidade do que o autor que escreveu.

Ah , sim , o layout mudou porque eu fiz uma cagada de grande porte na HTML do site.

gostei desse texto , acho que meu quadro seria em tons de azul e verde.

Mel. disse...

seus textos são ótimos e muito inspiradores, hahah!
parabéns, viu?!


x*

heart-of-glass disse...

Você escreve muito bem =O
Acho que meu quadro seria bem borrado, distorcido, confuso. Nem eu mesma seria capaz de interpretá-lo.

;*