segunda-feira, 28 de julho de 2008

Às vezes,eu gostaria de ser mais comum,óbvio.É estranho olhar pros outros e não se enxergar.Conversar com muitos e não se identificar.Não saber a que lugar pertence,ou saber,e não ter acesso a ele.No final,cansa ser você mesmo.No final,cansa remar contra a maré.É a sua força braçal inexpressiva contra uma correnteza grotescamente mais forte.É um anão franzino contra um gigante musculoso.É apanhar todo dia e não saber de onde vem a pancada.Resumindo:é uma merda.

Deus te deu tudo,menos o controle sobre a sua vida.
Felipe Azevedo,28/07/08

2 comentários:

Bruna disse...

acho que sei oq que dizer..;s
blog legal
;*(L)

Báah - Thoughtless disse...

É , mas sabe , eu fico feliz em não me encontrar nos outros . A grande maioria das pessoas não passa de gente medíocre e vulgar.

Que bom ser incomum , senão , não ia ter tanta graça.