terça-feira, 13 de outubro de 2009

Para dias melhores

Vou catar a esperança
em cada pedrinha
que eu encontrar.

Neste córrego de rio,
ou nas conchinhas
que eu pego no mar.

Vou ver flores,
quando houver miséria.

E vou sorrir,
nas horas de melancolia.

Dá tempo de aprender,eu sei.
É só praticar todo dia.

3 comentários:

Mel. disse...

Own, os diminutivos deram um ar tão doce!

Bárbara Reis disse...

"Dá tempo de aprender,eu sei
É só praticar todo dia"

Adorei. Essa tem sido minha filosofia.

M. A. disse...

Viu só?
Não há como fugir, a poesia está no seu ser ;D