terça-feira, 11 de agosto de 2009

Jovens de classe média ascendentes

A gente ousa
se dizer gente,
dizer que cresceu,
que é maduro.

Consideramos os outros infantis,
somos muito sérios
e dedicados
e almejamos grandes coisas.

Apesar de nossos desejos,
terem tamanho suficiente para
nos sufocar,
a verdade é que somos apenas
grandes merdas.

3 comentários:

Mel. disse...

Você pode achar que não, mas ainda me lembra bastante o Bukowski.

(Só consigo ver semelhança com ele ultimamente, aconteceu com a mari e agora contigo!)

M. A. disse...

Crítico e admirável.

OBS:Não me lembra Bukowski xD

Bárbara Reis disse...

Ainda tenho esperança de sermos algo além da merda.